Coordenadoria LGBT e Setur pactuam criação de guia de turismo e selo ‘Amiga da Diversidade Sexual’

Uma parceria entre a Coordenadoria de Promoção à Cidadania LGBT e da Igualdade Racial e a Secretaria Municipal de Turismo (Setur) vai viabilizar a criação do Guia de Turismo LGBT, além de uma certificação destinada às empresas consideradas ‘Amigas da Diversidade Sexual’.

O objetivo da iniciativa é valorizar as empresas que respeitam e acolhem funcionários e clientes LGBTs (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e transgêneros), além de proporcionar uma estadia agradável e evitar episódios de desrespeito com este segmento da população.

O coordenador de Promoção à Cidadania LGBT, Roberto Maia, explica que o guia vai contemplar tanto os pontos turísticos tradicionais da Capital como os points frequentados especialmente pela população LGBT. Ele será distribuído nos pontos de Atendimento ao Turista da Capital, bem como bares, restaurantes, hotéis, boates, entre outros estabelecimentos. “Esse guia já existe nas grandes capitais do país e agora vamos produzir aqui”, ressaltou.

Já o selo ‘Empresa Amiga da Diversidade Sexual’ será destinado às empresas que pactuarem o respeito e acolhimento a clientes e funcionários LGBTs. “Faremos uma reunião com o trade turístico para explicar a importância desse guia e da certificação. Sem dúvida, o turista LGBT que chegar a um hotel de João Pessoa e perceber a presença do selo na recepção vai se sentir mais acolhido, porque sabe que terá a sua orientação sexual e identidade de gênero respeitada por todos”, pontuou o coordenador.

O secretário de Turismo de João Pessoa, Fernando Milanez, ressalta que o preconceito contra a população LGBT é algo inconcebível nos dias atuais e que a Setur dá demonstrações de que é parceiro do movimento LGBT e está disposta a ouvi-lo, acolher suas pautas e encaminhar suas reivindicações.

“Infelizmente sabemos que esse preconceito ainda se expressa cotidianamente nas ruas, por meio dos insultos, piadas, agressão física e discriminação nos locais de estudo, de trabalho e de lazer. Temos consciência de que precisamos subsidiar ações para que as políticas públicas avancem em direção à eliminação da discriminação e do preconceito”, destacou.

De acordo com Roberto Maia, tanto o selo quanto o guia entram em processo de criação e confecção após o Carnaval. Nos próximos dias, a coordenadoria também vai solicitar reuniões com empresas ligadas ao setor de turismo para falar da importância de contratação da população LGBT.

As primeiras empresas instaladas na cidade a receber a certificação serão Manaçaí, Contax e AeC (as duas última de call Center), por já terem pactuado a contratação de profissionais transexuais encaminhados pelo Centro de Cidadania LGBT da Prefeitura Municipal de João Pessoa.